Limites e potencialidades do Desenvolvimento Regional

Sandro Luiz Bazzanella, Felipe Onisto

Resumo


O presente artigo discute as potencialidades e limites do desenvolvimento regional perante os limites e as possibilidades do Estado contemporâneo, da cultura local e, do processo de globalização. O texto se desdobra em cinco eixos: 1º. Problemáticas do Desenvolvimento Regional: limites e potencialidades; 2º Critérios do desenvolvimento regional à luz de Sergio Boisier; 3º Limites e potencialidades do desenvolvimento perante o processo de globalização; 4º Construção política do desenvolvimento: participação social e 5º Desenvolvimento regional diante das Políticas Públicas.  Seu objetivo é relacionar os conceitos e práticas que possibilitam e dificultam o desenvolvimento regional. O método utilizado na pesquisa é num primeiro momento de caráter bibliográfico revisionista, amparado pela modalidade teórica. Desta forma, permite ampliar as discussões e generalizar os escritos elencados. A partir da pesquisa exploratória foi favorável o levantamento bibliográfico, necessário ao ensaio. A base de dados se estruturou em fontes primárias e secundárias. Num segundo momento, abordagem técnica qualitativa prevaleceu nas análises, imperativa do método dedutivo. Os resultados alcançados foram às convergências e divergências encontradas para promoção do desenvolvimento regional à luz de acontecimentos econômicos, políticos, ambientais e culturais contemporâneos. Frente aos estudos realizados, considera-se que não há um caminho certo que propicia o desenvolvimento e, sim relações de caráter endógeno e exógeno que facilitam seu alcance. 


Texto completo:

PDF

Referências


ABBAGNANO, Nicola. Dicionário de Filosofia. Tradução Alfredo Bosi. 5 ed. São Paulo: Martins Fontes, 2007 (p. 792)

ABRAMOVAY, Ricardo. O capital social dos territórios: repensando o

desenvolvimento rural. Revista Economia Aplicada –– n° número 2, vol. IV: 379-397, abril/junho 2000. (p. 4)

AFFONSO, Rui de Britto Álvares. Descentralização e reforma do Estado: a Federação brasileira na encruzilhada. Economia e Sociedade, Campinas, p.127-152, jun. 2000. (p. 3)

BANDEIRA, Pedro. Participação, Articulação de Atores Sociais e Desenvolvimento Regional. Brasilia, 1999. Disponível em:. Acesso em: 05 jan. 2011. (p.10)

BIRKNER, Walter Marcos Knaesel. Capital Social em Santa Catarina: o caso dos fóruns de desenvolvimento regional. Blumenal: Edifurb, 2006. (p. 44, 153, 154)

BOISIER, Sergio. EL DESARROLLO TERRITORIAL A PARTIR DE LA CONSTRUCCION DE CAPITAL SINERGETICO. Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais Nº 2 / Novembro 1999.( p. 42, 44, 47, 47)

_____________. EM BUSCA DO ESQUIVO DESENVOLVIMENTO REGIONAL: ENTRE A CAIXA-PRETA E O PROJETO POLÍTICO. Planejamento e Políticas Públicas, n˚13, 1996. (p. 16)

BOURDIEU, Pierre, PASSERON, Jean-Claude. Les héritiers. Les étudiants et la culture. Paris, Editions de Minait, 1964.

COMTE, Auguste. Curso de filosofia positiva. 1ª ed. São Paulo: Ed. Abril Cultural, 1973, p. 9 – 26.

CUNHA, Maria Amália de Almeida. PERSPECTIVA, Florianópolis, v. 25, n. 2, 503-524, jul./dez. 2007 (p. 504)

DAMATTA, Roberto. O que faz o brasil, Brasil? - Rio de Janeiro: Rocco, 1986. (p.11)

FUKUYAMA, F. Confiança: valores sociais e criação de prosperidade.

Lisboa: Gradiva, 1996.

HARDT, Michael. NEGRI, Toni. Império. Tradução de Berilo Vargas. 8ª ed. Rio de Janeiro: Record, 2006. (p. 11, 12, 23,24)

HEGEL, George Wilhelm Friedrich. Princípios da Filosofia do Direito. Tradução; Orlando Vitorino. São Paulo: Martins Fontes, 1997. – (Clássicos)

HYPPOLITE. Jean. Introdução à filosofia da história de Hegel. Tradução; Hamílcar de Garcia. Civilização Brasileira. (Coleção Perspectivas do homem)

KEYNES, John Maynard. A teoria geral do emprego, do juro e da moeda. Apresentação de Adroaldo Moura da Silva ; Tradução de Mário R. da Cruz ; revisão técnica de Cláudio Roberto Contador ; tradução dos prefácios de Paulo Almeida. 2. ed. – São Paulo : Nova Cultural, 1985.

ORTEGA, Antonio César. Desenvolvimento territorial rural no Brasil:

limites e potencialidades dos consaDs. Revista de Economia e Sociologia Rural, Rio de Janeiro, vol. 45, nº 02, p. 275-300, abr/jun 2007 – Impressa em abril 2007.

RODRIGUES. Marta M. Assumpção. Políticas Públicas. São Paulo: Publifolha, 2010. – Folha Explica. (p. 13, 43)

ROVER. Oscar. Gestão política e desenvolvimento na região oeste de Santa Catarina. Cadernos do CEOM – Ano 22, n. 30, 2009. (p.113)

SEBRAE/SC. Santa Catarina em Números: Abdon Batista/Sebrae/SC._ Florianópolis: Sebrae/SC, 2013. 127p.

SILVA, Frederico Barbosa da. JACCOUD, Luciana. BEGHI, Nathalie. Políticas sociais no brasil: participação social, conselhos e parcerias. In: JACCOUD, Luciana (org) et al. Questão Social e Políticas Sociais no Brasil Contemporâneo.

Disponível em:. Acesso em: 05 jan. 2011. (p.1)

Programa das nações unidas para o desenvolvimento. PNUD. Ranking dos Índices de desenvolvimento humano dos municípios brasileiros 2010- IDH – M. Disponível em: . Acesso em: 07 jan. 2011.

ŽIŽEK, Slavoj. Bem-vindo ao deserto do Real!: cinco ensaios sobre o 11 de Setembro e datas relacionadas. Tradução Paulo Cezar Castanheira. – São Paulo : Boitempo Editorial, 2003. - Estado de sítio (p. 26, 10 – 11).




DOI: https://doi.org/10.26767/coloquio.v11i1.91

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.