A localização da produção silvícola no estado do Paraná

Jandir Ferrera de Lima

Resumo


Esse artigo analisa o deslocamento da produção silvícola e seu padrão de localização entre as microrregiões do Paraná no Brasil. O procedimento metodológico consistiu na estimativa dos indicadores de localização e o efeito competitivo a partir de dados do valor da produção silvícola regional do Estado do Paraná. A periodização utilizada foi o comparativo entre 2005 e 2016. Os principais resultados apontaram para um ganho significativo de competitividade e acréscimo de produção nas microrregiões de Jaguariaíva, Cerro Azul, Telêmaco Borba, União da Vitória e Ibaiti. A atividade de madeira para papel e celulose teve uma expansão importante, enquanto a produção de carvão vegetal se reduziu nas regiões paranaenses.


Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA Á.S.; MACDONELL M. Resinagem de Pinus no Paraná. Revista Paranaense de Desenvolvimento, nº 57, p. 75-104, 1976.

ALVES, L. Indicadores de localização, especialização e estruturação Regional. In: PIACENTI, A.C.; FERRERA DE LIMA, J. (org.). Análise regional: Metodologias e Indicadores. Curitiba: Camões, 2012, p. 33-49.

BERGER, R.; ALMEIDA, Á.S. Compensados de madeira. Revista Paranaense de Desenvolvimento, nº 32, p. 21-68, 1972.

CARAVIERI, A. M.; BRENE, P. R.; SESSO FILHO, U. A.; CAMPOS, A. C.; RODRIGUES, R. L. APL madeireiro e mobiliário de São Bento do Sul e de Arapongas: uma análise comparativa utilizando o índice Rasmussen-Hirschman. Revista Informe GEPEC, vol. 18, nº 01, p. 101-118, 2014.

COSTA, J.S. Compêndio de Economia Regional. Lisboa: APDR, 2002.

BRASIL. Empresa de Pesquisa Energética - EPE. Balanço energético nacional. 2020.. Disponível em: . Acesso em 05 junho 2020.

FERRERA DE LIMA, J. Méthode d’analyse regionale: indicateurs de localisation, de structuration et de changement spatial. Saguenay, Canadá : UQAC/GRIR, 2006.

FISCHER, A. O fomento na indústria de base florestal. Revista Informe GEPEC, vol. 13, nº 02, p. 6-19, 2009.

GUIMARÃES, D. Madeira e derivados. Revista Paranaense de Desenvolvimento, nº 40, p. 09-28, 1974.

HADDAD, P.R. Economia regional: teoria e métodos de análise. Fortaleza: BNB/ETENE, 1989.

LOURENÇO, G. Complexo industrial da madeira: alternativa de desenvolvimento para o Paraná. Revista Paranaense de Desenvolvimento, , Curitiba: Ipardes, nº 57, p. 75-104, 1979.

MAXIR, H.S.; MASULLO, LS. A inserção do Brasil no comércio internacional de produtos da cadeia florestal. Revista Árvore, Viçosa: UFV, v.41, nº 03, p. 01-12, 2017.

NOJIMA, D. Crescimento e reestruturação industrial do Paraná 1985/2000. Revista Paranaense de Desenvolvimento, nº 103, p. 23-43, 2002.

PARANÁ. Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social - Ipardes. Dados diversos do BDE. 2020. Disponível em: . Acesso em: 20 novembro 2020.

RAIHER, A. P. Os Determinantes da localização industrial por nível tecnológico no Paraná: ênfase no capital humano. Revista Informe GEPEC, vol. 15, nº 02, p. 18-35, 2011.

SANTOS, E. C.; SILVA, E. P. Suprimento de biomassa lenhosa para cadeia produtiva da indústria oleira no Estado do Amazonas – Brasil. Revista Informe GEPEC, vol. 17, nº 01, p.132-149, 2013.

SILVA, M.; CLEMENTE, A. Contribuição potencial das florestas de Araucária para a sustentabilidade da agricultura familiar do Centro-Sul do Paraná. Revista Paranaense de Desenvolvimento, nº 114, p. 111-131, 2008.

SOUZA, C. C. G.; ALVES, L. R. A especialização e a reestruturação produtiva das atividades econômicas entre as mesorregiões do Brasil entre 2000 a 2009. Revista Informe GEPEC, vol. 157, nº especial, p. 145-161, 2011.

SOUZA, N.; PORCILE J.G. Arranjos produtivos locais: o caso de chapas e laminados de Ponta Grossa. Revista Paranaense de Desenvolvimento, nº. 114, p. 53-85, 2008.

SOUZA, N.J; SOUZA; R.B. Dinâmica estrutural-diferencial da região Metropolitana de Porto Alegre, 1990-2000. Revista de Economia, vol. 30, nº 02, p.121-144, 2004.

ZANIOLO, A. Perspectivas para a economia florestal. Revista Paranaense de Desenvolvimento, nº 18, p. 29-48, 1970.




DOI: https://doi.org/10.26767/coloquio.v18i2.2031

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.