MEMÓRIA DA TELEVISÃO NO BRASIL: UM BREVE PASSEIO PELA HISTÓRIA

Autores

  • Karen Cristina Kraemer Abreu
  • Yasmin Cassal
  • Julia Nadine Tews
  • Fábio Andrei Kuckert Rodrigues

Resumo

Este artigo pretende, através da pesquisa bibliográfica, resgatar a história da Televisão no Brasil. Este eletrodoméstico está presente em 96% dos lares brasileiros. Desde o seu surgimento, em 1950, a TV ocupa um lugar de destaque dentro dos lares, seja como forma de entretenimento, lazer ou informação. Hoje, é considerada o principal e um dos mais confiáveis meios de comunicação pela população nacional. 

Referências

AMORIM, E. A televisão brasileira. São Paulo: Centro Cultural São Paulo, 1987.

______. História da Televisão Brasileira. São Paulo: Centro Cultural São Paulo, 2008.

BECKER, Beatriz. Telejornalismo de qualidade: um conceito em construção. Revista Galáxia, São Paulo, n. 10, p. 51-64, dez. 2005.

BOLAÑO, C.; VIEIRA, V. R. TV digital no Brasil e no mundo: estado da arte. Revista de Economía Política de las Tecnologías de la Información y Comunicación, vol. 6, num. 2., 2004. Disponível em <http://www.eptic.com.br>. Acesso em: 26. Jan. 2016.

BRITTOS, V. C.; SIMÕES, D. G. A Reconfiguração do Mercado de Televisão Pré-digitalização (p. 221 - 239). In: RIBEIRO, A.; ROXO, M.; SACRAMENTO, I. História da televisão no Brasil: do início aos dias de hoje. São Paulo: Contexto, 2010.

CAMINHA, M. A Teledramaturgia Juvenil Brasileira. Pág. 199 - 217. In: RIBEIRO, A.; ROXO, M; SACRAMENTO, I. História da televisão no Brasil: do início aos dias de hoje. SP: Contexto, 2010.

CIRNE, L. O processo de transição para a TV digital no Brasil. Compolítica, 2019, 9 (1), pp: 107 – 130. Disponível em: https://doi.org/https://doi.org/10.21878/compolitica.2019.9.1.181. Acesso em: 26. Jan. 2020.

DUARTE, E. B. Telejornais: incidências do tempo sobre o tom. In: Duarte, E. B.; CASTRO, M. L. D. de (Org). Comunicação audiovisual: gêneros e formatos. Porto Alegre: Sulina, 2007.

IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Disponível em: WWW.ibge.gov.br. Acesso em: 12. Jun. 2021.

IBGE/Educa Jovens - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Disponível em: https://educa.ibge.gov.br/jovens/materias--especiais/20787-uso-de-internet-televisao-e-celular-no-brasil.html . Acesso em: 10. Jun. 2021.

JAMBEIRO, O. A TV no Brasil do século XX. Salvador: EDUFBA, 2002.

MELLO, Jaciara Novaes. MELLO, Jaciara. Telejornalismo no Brasil. BOCC. Biblioteca On-line de Ciências da Comunicação, v. s/i, p. 01–11, 2009.

MIRA, M. C. O Moderno e o Popular na TV de Silvio Santos. (p.161 - 177). In: RIBEIRO, A.; ROXO, M; SACRAMENTO, I. História da televisão no Brasil: do início aos dias de hoje. São Paulo: Contexto, 2010.

MORAIS, F. Chatô: o rei do Brasil, a vida de Assis Chateaubriand. São Paulo: Companhia das Letras, 1994.

PATERNOSTRO, V. Í. O texto na TV: manual de telejornalismo. 16ª. ed. Rio de Janeiro: Elsévier, 1999.

PNAD Contínua – Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios. Disponível em https://www.ibge.gov.br/estatisticas/multidominio/condicoes-de-vida-desigualdade-e-pobreza/1720-pnad-continua.html?=&t=o-que-e. Acesso em: 10. jun. 2021.

REZENDE, Guilherme Jorge de. Telejornalismo no Brasil: um perfil editorial. São Paulo: Summus, 2000.

RIBEIRO, A. P. G.; ROXO, M.; SACRAMENTO, I. História da televisão no Brasil. Do início aos dias de hoje. São Paulo: Contexto, 2010.

SAMPAIO, M. F. História do Rádio e da Televisão no Brasil e no mundo: memórias de um pioneiro. Rio de Janeiro: Achiame,1984.

SQUIRRA, S. C. M. Aprender telejornalismo: produção e técnica. 1ª. reimpressão. São Paulo: Brasiliense, 1995.

Downloads

Publicado

2021-12-14

Edição

Seção

Artigos