A COLOCAÇÃO EM CENA DOCENTE NO ENSINO MÉDICO EM UM CONTEXTO DE METODOLOGIA PBL ALIADO A UM AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM

Carla Cristina Braz de Oliveira, Maria Auxiliadora Soares Padilha

Resumo


Este trabalho apresenta um recorte de uma pesquisa do Mestrado em Educação Matemática e Tecnológica - UFPE. Partindo da compreensão que coreografia didática é uma analogia entre o que acontece em uma sala de aula e o que acontece nas coreografias do mundo do teatro e da dança, possuindo quatro fases: antecipação, colocação em cena, base e produto da aprendizagem, especificamos que neste trabalho discutiremos dados referentes apenas a uma dessas fases. Diante disso, seu objetivo é discutir sobre a colocação em cena, do curso de Medicina (UFPE/Caruaru), que utiliza em suas práticas a metodologia PBL (Problem based Learning) aliada a um Ambiente Virtual de Aprendizagem (Moodle). Para embasamento teórico utilizamos autores como: Oser e Bareswil (2001) e Zabalza (2005), Borges et al. (2014) e Oliveira (2013) e Almeida (2003). A metodologia adotada foi o estudo de caso (turma 5º período de Medicina), com pesquisa exploratória, de natureza qualitativa. Para obtenção de dados fizemos uso de observação presencial e online (Moodle). Como resultados, concluímos que após um planejamento completo e detalhado realizado por diversos “atores”, o “colocar em cena” é promovido por tutores que, através de uma situação problema apresentada na primeira sessão do PBL, provocam nos alunos a reflexão, análise e questionamentos, que se tornam parte essencial do processo e não meros expectadores. Além disso, os alunos exteriorizam suas aprendizagens tanto presencialmente quando virtualmente, sempre incentivados e monitorados pelo tutor. Porém, no que diz respeito ao Moodle, este ainda é pouco explorado, se restringindo ao uso do fórum.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Redin - Revista Educacional Interdisciplinar