Introdução de tecnologias facilitadoras na aprendizagem para o ensino de ciências no ensino fundamental: Uma análise dos desafios e estratégias para a interdisciplinaridade na educação

Ana Paula Nascimento Pereira, Gabriel Matheus Amaral da Silva, Maria Luiza de Mello do Canto, Nathieli Mendonça Barbosa, Márcio Fraiberg Machado

Resumo


Este artigo é uma análise em torno das técnicas facilitadoras na área da tecnologia aplicada na aprendizagem para a matéria de ciências no ensino fundamental. Ao assumir o papel de formador de ideias e de consciência, a escola acaba se encontrando em meio aos desafios de se adaptar, trazendo consigo a interdisciplinaridade, envolvendo fenômenos que nos quais a geração atual enfrenta. Em meio ao caos tecnológico e o congestionamento mental que nos norteiam, o uso da tecnologia acaba muitas das vezes atrapalhando. No desempenho e na articulação de tais tecnologias ainda existem alunos que sofrem pela falta de entendimento sobre o adequado uso das mesmas, sendo um meio de desenvolvimento que pode muitas vezes atrapalhar, distrair ou fazer com que os alunos percam o foco. Os problemas são evidentes e mesmo conseguindo saná-los, os professores precisam entender que nos dias de hoje existe a necessidade de introduzir a tecnologia no meio de aprendizagem, muitas das vezes tornando-se um coadjuvante educativo, deixando de lado as dificuldades e as transformando em oportunidades de interagir matérias e assuntos distintos, desenvolvendo pensamento crítico que automaticamente trará a alfabetização aos alunos tecnologicamente, buscando a independência intelectual. Com esse trabalho entendemos que é importante que o professor seja o mediador, ele quem levará o aluno a entender a maneira correta de usar as tecnologias a favor da aprendizagem.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

________________________________________________

Redin - Revista Educacional Interdisciplinar

ISSN: 2594-4576