A INTERDISCIPLINARIDADE NAS TECNOLOGIAS EM EDUCAÇÃO: UM ESTUDO A PARTIR DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO NA UNIVERSIDADE

Raquel Karpinski, Shirlei Alexandra Fetter

Resumo


O presente artigo apresenta dados de uma pesquisa realizada numa instituição de ensino superior, situada no Vale do Paranhana, as Faculdades Integradas de Taquara – FACCAT, sobre a interdisciplinaridade nas tecnologias em educação, nos Cursos de Licenciaturas. Enquanto problemática se questionou quais os conhecimentos necessários ao uso das novas tecnologias, e se esses conhecimentos são trabalhados de forma interdisciplinar nos cursos de graduação, também como se trabalham os desafios contemporâneos de compreensão da interdisciplinaridade, na formação humana e na atuação docente, utilizando as mídias. O objetivo, a contemplar a situação problema foi: identificar como os professores universitários são preparados para o uso interdisciplinar das tecnologias e mídias, nos cursos de graduação. Considerando ser uma pesquisa qualitativa, a mesma baseia-se numa revisão bibliográfica e estudo de caso, com coleta de dados na Universidade, visando esclarecer os conceitos fundamentais ligados ao tema. Nesse contexto, os resultados apontem para desafios constantes em sala de aula, pelas novas tecnologias: ensinar e aprender se torna desafiador e exige uma constante busca pela informação. Conclui-se a reflexão, baseada no questionamento, a Universidade enquanto instituição formadora cabe o incentivo à interdisciplinaridade, fazendo uso das novas tecnologias. A partir disso e dos dados coletados, é perceptível a necessidade de dialogicidade entre os saberes, e não mais um conhecimento linear e cartesiano, pois o processo da educação requer dinamismo e abertura.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

________________________________________________

Redin - Revista Educacional Interdisciplinar

ISSN: 2594-4576