Por um consumo sustentável: reflexões sobre agroecologia e agricultura no contexto urbano

Giovana Goretti Feijó de Almeida, Vonia Engel

Resumo


O objetivo deste artigo é o de discutir a presença da agroecologia nos mercados sustentáveis por meio das fazendas e da agricultura urbanas. Busca-se um repensar sobre o espaço urbano, sendo utilizado com elementos do espaço rural e na interação entre esses espaços, que, muitas vezes, são vistos dicotomicamente. Utilizar-se-á a perspectiva teórica de Caporal e Costabeber (2004), a agroecologia como ciência que estabelece relações complexas com o agroecossistema e também a compreensão de Assis e Romeiro (2002), os quais relacionam a agroecologia com práticas mais sustentáveis de intervenção no meio ambiente. A partir dessa reflexão, portanto, adota-se o estudo de caso da fazenda urbana nova iorquina, Brooklyn Grange, divulgada na mídia como a maior fazenda urbana do mundo. O estudo é de natureza qualitativa, de cunho exploratório, com coleta de dados no site da fazenda citada. Os resultados apontam para um novo pensamento sobre o rural, no qual a busca por uma melhor qualidade de vida é um estilo que vem ganhando cada vez mais adeptos, tendo a agroecologia um papel estratégico nesse movimento entre rural e urbano.

Texto completo:

PDF

Referências


ASSIS, Renato, L. de; ROMEIRO, Ademar R. Agroecologia e agricultura orgânica: controvérsias e tendências In: BRANDENBURG, Alfio (Org.). Desenvolvimento e Meio Ambiente: caminhos da agricultura ecológica. Curitiba: UFPR, 2002. p. 67-80.

BEDANTE, Gabriel. Navarro. A influência da consciência ambiental e das atitudes em relação ao consumo sustentável na intenção de compra de produtos ecologicamente embalados. Dissertação de Mestrado apresentada a Universidade Federal do Rio Grande do Sul. 2004. Disponível em: . Acesso em: 5 set. 2015.

BROOKLYN GRANGE. Fazenda urbana Brooklyn Grange Farm, de Nova York. Site institucional. Disponível em . Acesso em: 7 set. 2015.

CBCS. Conselho Brasileiro de Construção Sustentável. Site institucional. Disponível em: . Acesso em: 5 set. 2015.

CANDIOTTO, CARRIJO E OLIVEIRA. A Agroecologia e as agroflorestas no contexto de uma Agricultura Sustentável. In: ALVES, A. F.; CARRIJO, B. R.; CANDIOTTO, L. Z. P. (Org.). Território e Desenvolvimento Sustentável. São Paulo: Expressão Popular, p. 213-232, 2009.

CAPORAL, Francisco Roberto; COSTABEBER, José Antônio. Agroecologia: alguns conceitos e princípios. Brasília: MDA/SAF/DATER-IICA, 2004. Disponível em: . Acesso em: 25 ago. 2015.

COBRA, Marcos. Administração de marketing. 2. ed. São Paulo: Atlas, 1992.

DE TONI, Deonir et al. Desenvolvimento e Meio Ambiente, v. 28, jul./dez., p. 173-188, 2013. Disponível em: . Acesso em: 15 jan. 2016.

FAO. Agricultura Urbana e Periurbana na América Latina e No Caribe: uma realidade. Disponível em . Acesso em: set. 2015a.

FAO. Organização da ONU para a Alimentação e a Agricultura. Site Institucional. Disponível em: . Acesso em: set. 2015b.

GIGLIO, Ernesto. O comportamento do Consumidor e a gerência de marketing. São Paulo: Pioneira, 1996.

KOTLER, Philip. Administração de marketing: análise, planejamento, implementação e Controle. São Paulo: Atlas,1998.

RUAF. Fundação de Agricultura Urbana. Site Institucional. Disponível em . Acesso em: set. 2015.

INSTITUTO CIDADE JARDIM. Site Institucional. Disponível em . Acesso em: set. 2015.

MOUGEOT, Luc J. A. Agricultura Urbana: conceito e definição. Revista deAgricultura Urbana, n. 1, dez. 2005. Disponível em: . Acesso em: set. 2015.

MUELLER, Charles. Os economistas e as relações entre o sistema econômico e o meio ambiente. Brasília: Universidade Brasília, 2007.

NIEDERLE, Paulo André; ALMEIDA, Luciano de; VEZZANI, Fabiane Machado. Agroecologia: práticas, mercados e políticas para uma nova agricultura. Curitiba: Kairós, 2013.

SPOSITO, Maria E. B. A questão campo-cidade: perspectivas a partir da cidade. In: SPOSITO, Maria E. B. (Org.) Cidade e campo: relações e contradições entre o urbano e o rural. São Paulo: Expressão Popular, 2006. p. 111-130




DOI: http://dx.doi.org/10.26767/coloquio.v15i1.771

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.