A agricultura sustentável: entre o ideal e a realidade

Maria Thereza Macedo Pedroso

Resumo


O artigo discute a noção de sustentabilidade e sua   evolução no período contemporâneo, discutindo ao final,  especificamente, a proposta de uma “agricultura sustentável”. O caminho metodológico para tal exame, na  impossibilidade de examinar minuciosamente a vasta  literatura a respeito, foi escolher dois livros recentes (2008 e 2010) de um autor considerado representativo neste  campo de análise. Este autor é José Eli da Veiga e a  primeira seção discute o argumento do autor, segundo o  qual sustentabilidade, por enquanto, não passaria de uma  palavra de ordem genérica, em transição para se   transformar em um valor social. Segundo Veiga, somente  quando a sustentabilidade se transformar em valor social é poderá deixar a retórica e sustentar novos esforços civilizatórios. Na segunda seção, também se fundando nos livros do autor, se discute a ideia de “desenvolvimento” e,  por extensão, de “desenvolvimento sustentável”,  especialmente as suas possibilidades de ocorrência. A  terceira parte do artigo esmiúça a noção de  sustentabilidade e, finalmente, na quarta seção, o artigo  trata especificamente da “agricultura sustentável”.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.26767/coloquio.v10i1.24

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.