Proposta de metodologia de planejamento estratégico para pequenas propriedades rurais de base familiar

Lorimar Francisco Munaretto, Sabrine Dellarmelin, Régis Bortolin Rosin

Resumo


O modelo de gestão rural familiar seguido por diversas propriedades gera preocupações por diferentes motivos, entre os quais estão a falta de controle de custos de produção, a carência de inserção em tecnologia e informação, a falta de agilidade na tomada de decisões diante de situações complexas e, especialmente, a falta de planejamento estratégico. Os modelos tradicionais de planejamento estratégico utilizados possuem abordagem de uso focada em empresas do setor público e/ou privado. A literatura apresenta poucos estudos sobre os modelos de planejamento estratégico para serem utilizados nas pequenas propriedades rurais de base familiar. O presente estudo teve por objetivos: i) desenvolver uma metodologia de planejamento estratégico para pequenas propriedades rurais de base familiar e ii) implementar a metodologia proposta de planejamento estratégico em uma pequena propriedade de base familiar. A partir dos principais modelos de planejamento estratégico existentes na literatura, foi proposta uma metodologia para atender às condições das pequenas propriedades rurais de base familiar. Com a metodologia adequada a uma pequena propriedade rural, é possível conhecê-la como um todo, seus pontos fortes e fracos.

Texto completo:

PDF

Referências


ABRAMOVAY, R. Agricultura Familiar e uso do solo. Disponível em: . Acesso em: 26 jul. 2010.

ALMEIDA, M. I. R. Manual de planejamento estratégico. São Paulo: Atlas, 2001.

AMARAL, D. C. et al. Gerenciamento Ágil de Projetos: aplicação em produtos inovadores.São Paulo: Saraiva, 2010.

ANTUNES, L.M.; ENGEL, A. Manual de administração rural: custos de produção. 3. ed.Guaíba: Agropecuária. 1999.

BRASIL. Lei no 4.504, de 30 de novembro de 1964. Dispõe sobre o Estatuto da Terra e dá outras providências. Disponível em: . Acesso em: 19 jun. 2016.

BRUN, R. Planejamento Estratégico Aplicado a uma Propriedade Rural de Atividade Leiteira. (Monografia Final de Curso) - Faculdade de Horizontina, Horizontina, 2013.

CALLADO, A. L. C.; ALBUQUERQUE, J. de L.; SILVA, M. N. Análise da Relação Custo/Volume/Lucro na Agricultura Familiar: o caso do Consórcio Mamona/Feijão. Custos e @gronegócio on line, v. 3, n. 1, jan. jun. 2007.

CERTO, S. C.; PETER, J. P. Administração estratégica: planejamento e implantação da estratégia. São Paulo: Makron Books, 1993.

CHIAVENATO, I. Administração: teoria, processo e prática. 2. ed. São Paulo: Makron Books, 1994.

DAFT, R. L. Administração. Rio de Janeiro: LTC. 1999.

EMBRAPA, Sistema Brasileiro de Classificação de Solos. 2. ed. Rio de Janeiro: Embrapa solos, 2006.

FUNK, F.; BORGES, M. A.; SALAMONI, G. Pluriatividade: uma estratégia de sustentabilidade na agricultura familiar nas localidades de Capão Seco e Barra Falsa 3o Distrito - Rio Grande (RS). Geografia - v. 15, n. 2, jul./dez. 2006.

JANK, M. S.; LOPES, M. R. O setor leiteiro, a intervenção do Estado e o MERCOSUL: análise e propostas de estratégias e políticas. São Paulo: ABPLB, 1992.

NEVES, M. F. A busca do comprometimento organizacional para o processo de planejamento estratégico. In: Anais do I SEMEAD, São Paulo, FEA/USP, p. 12- 32, outubro/1996.

RIBEIRO, E. M. Sistemas do Pica Pau – Sociedade Camponesa e Organização da Produção na Zona da Mata Mineira. In: II Encontro da Sociedade Brasileira de Sistemas de Produção, Londrina, 1995. p. 237-245.

SALDANHA, A. N. K.; SOARES JÚNIOR, D.; DEL GROSSI, M. E. Um modelo de planejamento estratégico adaptado às empresas familiares rurais. In: II Seminário Sul-Brasileiro de Administração Rural,2002, Passo Fundo/RS. Anais do II Seminário Sul-Brasileiro de Administração Rural. Universitária, 2002. v. 1, p. 293-305.

SANTOS, N. M. dos. Planejamento Estratégico: como foco na Gestão Hospitalar. VII Convibra Administração – Congresso Virtual Brasileiro de Administração. Disponível em: . Acesso em: 26 jul. 2010.

SILVA, P. A Agrodiversidade como Estratégia de Viabilização da Unidade de Produção Familiar no Município de Passo Fundo/RS. (Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional – Mestrado e Doutorado) – Universidade de Santa Cruz do Sul, Santa Cruz do Sul, 2003.

TAJRA, S. F. Gestão Estratégica na Saúde: reflexões e práticas para uma administração voltada para a excelência. São Paulo: Iátria, 2006.

TERENCE, A. C. Planejamento estratégico na pequena empresa: as particularidades das pequenas empresas no processo estratégico. In: XXI Encontro Nacional de Engenharia de Produção. Anais, Salvador/BA, 2002.

TESTA, V. M. et al. O Desenvolvimento Sustentável do Oeste Catarinense. Florianópolis: EPAGRI, 1996.

THOMPSON JR., A. A.; STRICKLAND III, A. J. Planejamento Estratégico: elaboração, implementação e execução. São Paulo: Pioneira. 2000.

VILCKAS, M. Os Determinantes para a Tomada de Decisão sobre O que Produzir: proposta de um modelo para unidades de produção rural familiares. 2004. 143f. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) - Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2004.




DOI: https://doi.org/10.26767/coloquio.v16i1.1199

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.