Análise do processo sucessório em uma empresa familiar: um estudo de caso em uma indústria metalúrgica no Vale do Paranhana no Rio Grande do Sul

Mônica Petró, Renan Ribeiro da Silva de Castro

Resumo


Pesquisas sobre empresas familiares mostram-se crescentes nos últimos anos e dão importância à questão do planejamento da sucessão para a continuidade das organizações. O objetivo geral que fundamentou este estudo foi a análise dos benefícios da elaboração de um plano de sucessão no âmbito de uma empresa familiar. Para tanto realizou-se um estudo de caso em uma indústria metalúrgica no Vale do Paranhana no Rio Grande do Sul, bem como a revisão da literatura acerca dos históricos e conceitos de empresa familiar, ligada ao processo sucessório e planos de sucessão. Foi elaborada uma entrevista semiestruturada e posterior à coleta de dados realizou-se a análise dos resultados com base na análise interpretativa. Foi possível identificar que a empresa em questão, carece de um plano de sucessão estruturado, e que o planejamento sucessório é favorável no sentido profissional. Isto é, seriam escolhidas para gerir os negócios, pessoas capacitadas para tal, fortalecendo a empresa para crescer, se desenvolver, perpetuar e se tornar mais atrativa no mercado.

Texto completo:

PDF

Referências


BERNHOEFT, R. Como criar, manter e sair de uma sociedade familiar (sem brigar). São Paulo: Senac, 1996.

BERNHOEFT, R; GALLO, M.A. Governança na empresa familiar: gestão, poder e sucesso. Rio de Janeiro: Campus, 2003.

BONA, G. O. Sucessão familiar do ponto de vista do sucessor: Motivações na oportunidade de suceder uma empresa familiar de micro e pequeno porte. Universidade Federal do Rio Grande do Sul - Escola de Administração - Departamento de Ciências Administrativas, Porto Alegre, 2013.

BRANDT, G. T.; Sucessão familiar em empresa do agronegócio. Dissertação (Mestrado em Administração) - Curso de Mestrado Profissional em Administração - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2015.

CAMARGO, M. S. G. de. Fundador versus sucessor: estudo comparativo das características comportamentais empreendedoras dos empresários de empresas familiares do município de Chapecó-SC. Dissertação (Mestrado em Administração) - Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, 2005.

FERRAZZA, E. A maturidade do processo de sucessão: um estudo multicaso em empresas familiares da serra gaúcha. Dissertação (Mestrado em Administração) - Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA, Universidade de Caxias do Sul, Caxias do Sul, 2010.

FLORIANI, O. P. Empresa familiar ou... inferno familiar? Curitiba: Juruá, 2002.

GIL, A. C. Como Elaborar Projetos de Pesquisa. São Paulo: Atlas, 2002.

LODI, J. B. A empresa familiar. São Paulo: Pioneira, 1998

MELLO, T. P. de; A Sucessão na Empresa Familiar: um estudo de caso no Grupo Krause. Trabalho de Conclusão de Curso em Administração de Empresas - Centro Universitário Feevale, Novo Hamburgo, 2007.

NISHITSUJI, D. A. O processo de sucessão em empresas familiares na microrregião de Cornélio Próprio. Dissertação (Mestrado em Administração) - Centro de Pesquisa e Pós-graduação em Administração, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2009.

OLIVEIRA, D. P. R. Empresa familiar: Como fortalecer o empreendimento e otimizar o processo sucessório. São Paulo: Atlas, 2006.

PASSOS, E. et al.. Família, família, negócios a parte: como fortalecer laços e desatar nós na empresa familiar. São Paulo: Gente, 2006.

RAIMUNDINI, S. L. Empresário ou empreendedor: tal pai, tal filho? Um estudo em uma empresa familiar. In: IV EGEPE - Encontro de Estudos sobre Empreendedorismo e Gestão de Pequenas Empresas, Curitiba, 2005.

RUSSO, D. R. Problemas das micro e pequenas empresas - um estudo junto aos clientes do Balcão SEBRAE - Sede Porto Alegre. Dissertação (Mestrado em Administração) - Programa de Pós-Graduação em Administração, Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, 2002.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.