As ações de um grupo de trabalho voluntário focando em sua estrutura organizacional: o caso do Leo Clube Igrejinha

Alexandre Aloys Matte Junior

Resumo


O presente trabalho visa analisar de que forma está organizado estruturalmente o LEO Clube da cidade de Igrejinha, Rio Grande do Sul, e como essa estruturação impacta em suas atividades ligadas ao auxílio à comunidade e voluntariado, avaliando uma possível otimização através de novos processos. Sendo assim, a estruturação organizacional influencia no desempenho, além de determinar como uma pessoa irá se comportar dentro de um grupo e também de que forma as responsabilidades são divididas e como a diretoria executiva administra essas questões. A coleta dos dados foi realizada através de observação, participando-se de assembleias e atividades promovidas pelo LEO Clube Igrejinha, e, além disso, analisadas suas atas, códigos de conduta, regulamentos, estatutos, relatórios de atividades, entre outros documentos. A partir da análise dos dados, foi percebido que o LEO Clube Igrejinha está bem estruturado organizacionalmente e executa as tarefas com um planejamento adequado, fato atestado por possuírem uma estrutura de comando definida.

Texto completo:

PDF

Referências


BODANEZE, Tatiane. Anuário Distrito Múltiplo LEO LD AL 2010/2011. Erechim, RS: Graffoluz, 2011.15

CHIAVENATO, Idalberto. Introdução a Teoria Geral da Administração: Uma visão abrangente da moderna administração das organizações. 7a ed. Rio de Janeiro: Editora Elsevier, 2003.

COLLIS, Jil, HUSSEY, Roger. Pesquisa em administração: um guia prático para alunos de graduação e pós-graduação. 2a edição. Porto Alegre: Bookman, 2005.

CURY, Antônio. Organização & Métodos: uma visão Holística. 7a edição. São Paulo: Editora Atlas, 2000.

INTERNATIONAL, Lions. LEO Zone: Cantinho LEO. Disponível em Acesso em: 02 julho. 2014.

MINTZBERG, Henry. Strategic making in three modes. California Management Review, p. 44-53. 1973.

OLIVEIRA, Djalma de Pinho Rebouças de. Planejamento estratégico: conceitos, metodologia e práticas. São Paulo: Atlas, 2005.

SILVA, Dário Benedito Rodrigues Nonato da. Cartilha de LEO Clubes do Brasil: Nossa História em Movimento. Bragança, PA: CILBRA, 2006.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.