GESTÃO DO PEDAGÓGICO: A DIVERSIDADE SEXUAL NA ESCOLA

Shirlei Alexandra Fetter, Raquel Karpinski, Denise Regina Quaresma da Silva

Resumo


O presente artigo apresenta como temática a gestão pedagógica sobre as questões de diversidade sexual e de gênero. Pretende analisar a prática docente e sua abordagem frente a Identidade Sexual e de Gênero, em sala de aula e no processo de formação nas escolas da rede municipal de ensino em Parobé/RS. A metodologia está baseada no estudo qualitativo. Como resultado percebe-se o predomínio do conservadorismo que repercute na negação ao público LGBT, prevalecendo a heteronormatividade. Considera-se que a escola é o espaço de referência à emancipação e libertação, porém esta mesma escola é o lugar da resistência e negação à identidade sexual e de gênero dos educandos.

Texto completo:

PDF

Referências


BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. 70. ed. São Paulo: Edições, 2011.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Base Nacional Comum Curricular, 2017. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wp-content/uploads/2018/04/BNCC_19mar2018_versaofinal.pdf.

DEMO, Pedro. Pesquisa: princípio científico e educativo. 12. ed. São Paulo: Cortez, 2006.

LOURO, Guacira Lopes. TEORIA QUEER - UMA POLÍTICA PÓS-IDENTITÁRIA PARA A EDUCAÇÃO. Estudos Feministas, Florianópolis, v. 9, n. 2, p. 541, jan. 2001. Disponível em: .

MAGALHÃES, Rita de Cássia Barbosa Paiva; RUIZ, Erasmo Miessa. Estigma e currículo oculto. Revista Brasileira de Educação Especial, Marília, v. 17, p. 125-142, Mai/Ago. 2011. Edição Especial.

NÓVOA, Antônio. (Org.). Vidas de professores. 2. ed. Porto: Porto, 1995.

QUARESMA DA SILVA, Denise Regina. 2007. A sexualidade e a educação sexual nas escolas através dos tempos. In. Formação de professores: a articulação entre os diferentes saberes, (Org.). Denise Arina Francisco Valduga e Mireila de Souza Menezes, 107-126. Novo Hamburgo: Feevale.

_____. Exclusão de adolescentes grávidas em escolas do sul do Brasil: uma análise sobre a educação sexual e suas implicações. 2016. Revista Estudos Sociais. N. 57, jul. set. p 78-88. Disponível em: https://revistas.uniandes.edu.co/doi/full/10.7440/res57.2016.06.

SANTOS, Boaventura Souza. Para uma concepção multicultural de direitos humanos. Contexto Internacional. Rio de Janeiro, v. 23, n. 1, p. 7-34, jan./jun. 2001.

SILVA, Tomaz Tadeu da. Currículo e identidade social: territórios contestados. In: _____ (Org.). Alienígenas na sala de aula. Petrópolis: Vozes, 2011.

_____. Documentos de Identidade: uma introdução às teorias do currículo. Belo Horizonte: Autêntica, 2002.

STAKE, Robert E. Pesquisa Qualitativa: estudando como as coisas funcionam. Porto Alegre: Penso, 2011.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.