CONFIGURAÇÃO DA CADEIA DE VALOR INTERNA EM UMA EMPRESA DE LAMINADO SINTÉTICO NO VALE DOS SINOS/RS

Caiã Brocker dos Santos, Roberto Carlos Hahn

Resumo


A cadeia de valor é o conjunto de atividades realizadas pela empresa, mapeando os processos, analisando os custos que os compõem e auxiliando na tomada de decisão. O entendimento da cadeia de valor é fundamental para a gestão estratégica de custos que a empresa irá adotar, identificando possíveis erros nas operações e corrigindo-os, a fim de agregar um valor justo ao seu produto para passar aos clientes e manter-se competitivo no mercado. A análise passa pela estrutura da empresa, assim como pelos custos dos processos de produção do produto final, também identificando os elos que existem de um processo ao outro. Este estudo tem por objetivo analisar a configuração da cadeia de valor interna de uma empresa de laminado sintético. Para o entendimento do assunto, foi realizada uma pesquisa bibliográfica e, para a análise dos dados, foi realizada uma pesquisa documental, conforme foi disponibilizado pela empresa, e aplicada uma entrevista para conhecer a história e a maneira como a empresa se comporta no mercado. Identificou-se a configuração e analisaram-se os custos da cadeia de valor interna. Concluiu-se que a empresa conta com uma estrutura de processos internos adequados, mas que a implementação de um centro de custos seria a melhor maneira de identificar os valores agregados de cada operação, trazendo uma informação mais clara e real para avaliar os custos e sua tomada de decisão.

Texto completo:

PDF

Referências


BERTAGLIA, P. R. Logística e gerenciamento da cadeia de abastecimento. São Paulo: Saraiva, 2006.

CHOPRA, Sunil; MEINDL, Peter. Gerenciamento da cadeia de suprimentos: estratégia, planejamento e operação. 6. ed. São Paulo: Prentice Hall, 2003.

GERHARDT, Tatiana Engel; SILVEIRA, Denise Tolfo. Método de pesquisa. 2009. Disponível em: . Acesso em: 26 abr. 2017.

GIL, Antonio C. Estudo de caso. São Paulo: Atlas, 2009.

HANSEN, Don R.; MOWEN, Maryanne M. Gestão de custos: contabilidade e controle. 2 ed. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2001.

JUNG, Carlos Fernando. Metodologia para pesquisa e desenvolvimento. Aplicada a novas tecnologias, produtos e processos. 3. ed. Rio de Janeiro: Axcel Books do Brasil, 2004.

MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Fundamentos de metodologia científica. 7. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Metodologia do trabalho cientifico: procedimentos básicos, pesquisa bibliográfica, projeto e relatório, publicações e trabalhos científicos. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2001.

MEGLIORINI, Evandir; SOUZA, M. A. Gestão estratégica de custos. In: PARISI, C.;

MEGLIORINI, E. (Orgs.). Contabilidade gerencial. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2011.

NOVAES, Antonio G. Logística e gerenciamento da cadeia de distribuição: estratégia, operação e avaliação. 6. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2007.

PORTER, Michael. Vantagem competitiva: criando e sustentando um desempenho superior. 15. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1989.

REZENDE, Frederico. O modelo de cadeia de valor de Michael Porter. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2017.

SHANK, John K.; GOVINDARAJAN, Vijay. A revolução dos custos: como reinventar e redefinir sua estratégia de custos para vencer em mercados crescentemente competitivos. 4. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1997.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.