PLANEJAMENTO FINANCEIRO PESSOAL: A RELAÇÃO DOS ALUNOS DAS TURMAS DE SEGUNDO E TERCEIRO ANO DO ENSINO MÉDIO DA ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO MÉDIO CARAMURU DE GRAMADO/RS REFERENTE AO PLANEJAMENTO FINANCEIRO PESSOAL

Pablo Wasem, Henrique Assis Dörr

Resumo


A questão do planejamento financeiro pessoal é um problema cultural no Brasil, conforme Silva (2004). Segundo Hoji (2014), é um hábito comum das pessoas realizarem um planejamento financeiro prévio e informal. Gitman (2004) destaca que essa é uma tarefa relevante a ser realizada, pois o planejamento financeiro tem a função de proporcionar métodos de direção e controle para a administração do dinheiro e investimentos, e isso auxilia nas tomadas de decisões. Planejar nada mais é do que refletir e prospectar o futuro. O artigo tem como objetivo geral analisar a relação dos alunos das turmas de segundo e terceiro ano do ensino médio da Escola Estadual de Ensino Médio Caramuru, em Gramado/RS (E.E.E.M. Caramuru), referente ao planejamento financeiro pessoal. Objetiva-se especificamente verificar o nível de conhecimento dos alunos sobre o tema planejamento financeiro, mensurar o grau de relevância que o planejamento financeiro tem na vida desses jovens alunos e, por fim, propor a análise de inclusão de atividades sobre planejamento financeiro pessoal na matriz curricular da escola para o melhor desenvolvimento socioeconômico dos alunos. Essa pesquisa é caracterizada, quanto aos objetivos, como exploratória; quanto aos procedimentos técnicos, como bibliográfica, documental e de Survey, e também como um estudo de caso. Quanto à abordagem do problema, é qualitativa, acordando com a análise interpretativa dos resultados obtidos. A partir dos dados coletados com a pesquisa, observa-se que os alunos possuem uma perspectiva positiva em relação à inserção desse tema nas atividades escolares. Com os resultados obtidos neste estudo, percebe-se que a escola deveria desempenhar um papel de auxiliadora para com os alunos a respeito do tema. Alguns autores comentam no referencial que, muitas vezes, ocorre uma omissão das escolas perante o assunto referido. Foi possível comprovar esses argumentos a partir das respostas obtidas, pois grande parte dos alunos dizem nunca ter trabalhado o tema em sala de aula.

Texto completo:

PDF

Referências


BODIE, Zvi; MERTON, Robert C. Finanças. Tradução James Sudelland Cook. Porto Alegre: Editora Bookman, 2002.

BRAIDO, Gabriel Machado. Planejamento Financeiro Pessoal dos Alunos de Cursos da Área de Gestão: Estudo em uma Instituição de Ensino Superior do Rio Grande do Sul.vol. 21, n° 1, p. 37-58. Lajeado: Estudo & Debate, 2014. Disponível em:. Acesso em: 15 mar. 2018.

BRASIL. Decreto n° 7.397/2010. Institui a Estratégia Nacional de Educação Financeira – ENAF, dispõe sobre a sua gestão e dá outras providências, de 22 de Dezembro de 2010.

______. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional n° 9.394/1996. Estabelece as Diretrizes e Bases da Educação Nacional, de 20 de Dezembro de 1996.

CERBASI, Gustavo. Casais inteligentes enriquecem juntos. São Paulo: Gente, 2004.

______. Como organizar sua vida financeira. Rio de Janeiro: Editora Sextante, 2015.

CZAPSKI, Ricardo. Planejamento financeiro pessoal [áudio livro], Série Finanças Pessoais. São Paulo: Alyá, 2016. 1 áudio livro: 60 min.

D’AQUINO, Cássia de. Educação financeira. Como educar seus filhos. Rio de Janeiro: Elsevier, 2008.

ENEF, Estratégia Nacional de Educação Financeira. Plano Diretor. Disponível em: . Acesso em: 11 mar.2018.

GITMAN, Lawrence Jeffrey. Princípios de administração financeira. 10. ed.. São Paulo: Pearson Addison Wesley, 2004.

GODFREY, Neale S. Dinheiro não dá em árvore. São Paulo: Best Seller, 1994.

GROPPELLI, A. A.; NIKBAKHT, Ehsan. Administração financeira. 3. ed.. São Paulo:Saraiva, 1998.

HOJI, Masakazu. Administração financeira na prática: guia para educação financeira corporativa e gestão financeira pessoal. 5.ed. . São Paulo:Atlas, 2014.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 2016. Disponível em: . Acesso em : 23 dout. 2018.

KIYOSAKI, Robert T.; LECHTER, Sharon L. O guia do pai rico: filho rico, filho vencedor: como preparar seu filho para ganhar dinheiro. 3.ed. Rio de Janeiro: Campus, 2001.

______. Pai rico pai pobre. 62. ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2000.

LEAL, Cícero Pereira; NASCIMENTO, José Antonio Rodrigues do. Planejamento financeiro pessoal. vol. 15, n° 22. Anhanguera: Revista de Ciências Gerenciais, 2011. Disponível em: . Acesso em: 17mar. 2018.

LEWGOY, Júlia. 15 Apps e Planilhas para controlar seus gastos em 2018. Revista Exame. Disponível em: . Acesso em: 07 abr. 2018.

MARTINS, José Pio. Educação financeira ao alcance de todos: adquirindo conhecimentos financeiros em linguagem simples. São Paulo: Fundamento Educacional, 2004.

MASSARO, André. Afinal, quanto da renda mensal devemos guardar. 2017 Disponível em: . Acesso em: 25abr.2018.

MAXIMIANO, Antonio Cesar Amaru. Introdução à Administração. 8.ed. São Paulo:Atlas, 2017.

NETO, Alfredo Meneghetti; FALCETTA, Flávio Paim; RASSIER, Leandro Hirt; MARCHIONATTI, Wilson. Educação financeira. Porto Alegre: PUCRS, 2014.

NOEL, Rodrigo. Brasileiros tem dificuldade cultural em lidar com dinheiro. 2016. Disponível em:. Acesso em: 24 abr. 2018.

REBELATTO, Daisy. Projeto de investimento: com estudo de caso completo na área de serviços. Barueri: Manole, 2004.

ROSS, Stephen A.; WESTERFIELD, Randolph W.; JAFFE, Jeffrey F. Administração financeira. São Paulo: Atlas, 1995.

SANTOS, José Odálio dos. Finanças pessoais para todas as idades: um guia prático. São Paulo: Atlas, 2014.

SILVA, Eduardo D. Gestão em Finanças pessoais: uma metodologia para se Adquirir educação e saúde financeira. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2004.

SILVEIRA, Daniel. Renda domiciliar per capita no Brasil fica em R$ 1.268 em 2017, aponta IBGE. 2018. Disponível em: . Acesso em: 23 out. 2018.

SOHSTEN, Carlos Von. Como cuidar bem do seu dinheiro: orçamento doméstico e planejamento das finanças pessoais: como controlar o dinheiro e viver sem dívidas: prosperidade e investimentos, construindo sua riqueza. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2004.

SOUZA, Almir Ferreira de; TORRALVO, Caio Fragata. Aprenda a administrar o próprio dinheiro: coloque em prática o planejamento financeiro pessoal e viva com mais liberdade. São Paulo: Saraiva, 2008.

SPC BRASIL. Apenas 44% dos Brasileiros Falam com Frequência Sobre Dinheiro Dentro de Casa. (2018a). Disponível em: . Acesso em: 24 abr. 2018.

______. 58% dos brasileiros não gostam de dedicar tempo para cuidar das próprias finanças. (2018b). Disponível em: . Acesso em: 24 abr. 2018.

STEFFEN, Emanuel Gutierrez. Como é a educação financeira no mundo. Disponível em:. Acesso em: 31 mar.2018.

VIEIRA, Saulo Fabiano Amancio; BATAGLIA, Regiane Tardiolle Manfre; SEREIA, Vanderlei José. Educação financeira e decisões de consumo, investimento e poupança: uma análise de uma universidade pública do norte do paraná. v.9, n.3. Revista de Administração da UNIMEP. Setembro/Dezembro, 2011. Disponível em: . Acesso em: 13 mar.2018.

YAZBEK, Priscila. Brasil é o 74° em ranking global de educação financeira. Revista Exame. Disponível em: . Acesso em: 31 mar. 2018.

ZDANOWICZ, José Eduardo. Fluxo de caixa, uma decisão de planejamento e controle financeiro. 9.ed. Porto Alegre: Sagra Luzzatto, 2002.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.