A VALORIZAÇÃO DO CAPITAL HUMANO NAS ORGANIZAÇÕES: ESTUDO DE CASO EM UMA EMPRESA DO SEGMENTO CALÇADISTA SITUADA NO MUNICÍPIO DE PAROBÉ/RS

Franciele Teresa Petry, Walmir Guntzel

Resumo


Na constante busca das empresas por um diferencial competitivo no qual se ganhe mercado e se tenha mais lucratividade, percebe-se que o conhecimento humano tem se tornado muito importante para o crescimento das organizações. Reconhecer, valorizar e investir neste conhecimento, ou seja, no capital humano, é de suma importância para a organização que deseja suprir um mercado exigente e que busca por melhores resultados. Nesse sentido, o presente trabalho apresenta um estudo de caso, que tem como objetivo analisar a valorização do capital humano em uma organização do segmento calçadista situada no município de Parobé/RS. A metodologia utilizada contempla um estudo de caso único, exploratório e amparado à revisão bibliográfica. Os instrumentos de coleta de dados foram questionários estruturados e a amostra não probabilística por intencionalidade que contou com trinta e sete colaboradores e gestores/sócios da empresa. Os resultados apresentados demostram a falta de fatores de valorização do capital humano e também a falta do uso de ferramentas de auxílio a sua capacitação. Por fim, pode-se dizer que investir na valorização do capital humano, se torna a maior vantagem competitiva para uma organização, além de agregar valor e trazer os resultados desejados.

Texto completo:

PDF

Referências


CHIAVENATO, Idalberto. Recursos humanos: o capital humano das organizações. 8. ed. 4. reimpr. São Paulo: Atlas, 2008.

CRESWELL, John W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativos, quantitativos e mistos. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2010.

DAVENPORT, Thomas O. O capital humano: o que é e por que as pessoas investem nele: tradução Rosa, S. Krausz. São Paulo: Nobel, 2001.

DUTRA, Joel Souza. Competências: conceito e instrumentos para a gestão de pessoas na empresa moderna. São Paulo: Atlas, 2004.

FRIEDMAN, Brian; HATCH, James; WALKER M. David. Como atrair, gerenciar e reter capital humano- Da promessa à realidade. São Paulo: Futura, 2000.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

HERCKERT, Werno. Capital humano. 2002. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2017.

JUNG, Carlos Fernando. Metodologia para pesquisa e desenvolvimento: Aplicada a novas tecnologias, produtos e processos. Rio de Janeiro: Axcel, 2004.

MARRAS, Jean Pierre. Gestão de pessoas em empresas inovadoras. São Paulo: Futura, 2005.

MARRAS, Jean Pierre; TOSE, Marília de Gonzaga Lima e Silva. Avaliação de desempenho humano. Rio de Janeiro: Elsevier, 2012.

MAYO, Andrew. O valor humano da empresa: tradutora Julia Maria Pereira Torres: Revisão Reinaldo Da Silva. São Paulo: Prentice Hall, 2003.

MOREIRA, Geraldo Luiz. Organização Inovadora: o capital humano como fator diferencial. 2016. Disponível em: . Acesso em: 30 mar. 2017.

OLIVEIRA, Silvio Luiz de. Tratado de Metodologia Científica: projetos de pesquisas, TGI, TCC, monografias, dissertações e teses. 2. ed. São Paulo: Pioneira, 2001.

PEREIRA, Heitor José. A crescente valorização do capital humano. 2008. Disponível em:. Acesso em: 30 mar. 2017.

PONTES, Benedito Rodrigues. Avaliação de desempenho: métodos clássicos e contemporâneos, avaliação por objetivos, competências e equipe. 10ª ed. São Paulo: LTR, 2008.

REGINATO, Luiz Fernando; MARCHI, Miriam de. Capital humano: vencendo a competição pelos talentos: estratégia, métodos e casos. Porto Alegre: Sulina, 2013.

REVISTA BANAS. A gestão do capital humano nas organizações. 2011. Disponível em: . Acesso em: 2 abr. 2017.

ROSA, Mônica Vargas da. Capital humano: gestão de pessoas: o diferencial competitivo. 2012. Disponível em: . Acesso em: 4 abr. 2017.

SHIMIDT, Paulo; SANTOS, José Luiz dos. Avaliação de ativos intangíveis. São Paulo: Atlas, 2002.

SPINELLI, Isabelle Maria Albuquerque. Formação, desenvolvimento do capital humano e vantagem competitiva. 2015. 90 p. Dissertação (Mestrado em Economia e Gestão de Recursos Humanos). Faculdade de Economia Universidade do Porto, 2015.

STEWART, Thomas A. Capital Intelectual. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.